Total de visualizações de página

Pesquisar este blog

terça-feira, 27 de setembro de 2011

VMware - Linha de comando

Olá hoje vamos ver a administração do VMware ESXi através da linha de comando:



vim-cmd vmsvc/getallvms
Lists all vm's running on hypervisor and provides vmid


vim-cmd vmsvc/power.off vmid
Powers off vmid referenced from getallvms command


vim-cmd vmsvc/power.on vmid
Powers off vmid referenced from getallvms command


vim-cmd vmsvc/power.reboot vmid
Reboots vmid referenced from getallvms command


vim-cmd vmsvc/destroy vmid
Deletes the vmdk and vmx files from disk


vim-cmd hostsvc/maintenance_mode_enter
Puts hypervisor into maintenance mode


vim-cmd hostsvc/maintenance_mode_exit
Takes hypervisor out of maintenance mode


vim-cmd solo/registervm /vmfs/vol/datastore/dir/vm.vmx
Registers vm in hypervisor inventory


vim-cmd vmsvc/unregister vmid
Unregisters vm with hypervisor


vim-cmd vmsvc/tools.install vmid
Starts vmware tools installation for VM


vim-cmd hostsvc/net/info
Provides information about hypervisor networking


chkconfig -l
Shows daemons running on hypervisor. Can also be used for configuration.


esxtop
Same as linux top for vmware


vmkerrcode -l
List of vmkernel errors


esxcfg-info
Lists a LOT of information about the esx host


esxcfg-nics -l
Lists information about NIC's. Can also be used for configuration.


esxcfg-vswitch -l
Lists information about virtual switching. Can also be used for configuration.


dcui
Provides console screen to ssh session


vsish
Vmware interactive shell

Lembrando que podemos usar o VMware vSphere Client, mas como bom "nerd" o comando é mais rápido.

fonte: http://www.vmware.com/br/


Att Junior.

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

O que muda para meu cliente se minha empresa passar a utilizar NF-e em suas operações?

Olá não estou aqui pra forçar ninguém a comprar nada ou algo do gênero, porém, muitos desconhecem a necessidade do envio do XML para seus clientes. Então segue uma explicação rápida do que a receita federal cita sobre isso:

"A principal mudança para os destinatários da NF-e, seja ele emissor ou não deste documento, é a obrigação de verificar a validade da assinatura digital e a autenticidade do arquivo digital, bem como a concessão da Autorização de Uso da NF-e mediante consulta eletrônica nos sites das Secretarias de Fazenda ou Portal Nacional da Nota Fiscal Eletrônica (www.nfe.fazenda.gov.br). Importante observar que o emitente da NF-e é obrigado a encaminhar ou disponibilizar download do arquivo XML da NF-e e seu respectivo protocolo de autorização para o destinatário, conforme definido no Ajuste SINIEF 11/08, cláusula segunda, Inciso I;"

ref: http://www.nfe.fazenda.gov.br/

Sendo assim, temos além de inúmeras outras uma ferramenta de armazenamento de NF-e.

http://nfei9.com.br/

Desde já grato pela atenção de todos, qualquer dúvida sobre a mesma, por favor caso tenha: dúvidas, críticas ou sugestões estou a disposição.

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Qmail Auditor

Olá, hoje vamos relatar um "problema" muito básico e muito utilizado pelos Administradores de Servidores de Correio. No meu caso utilizo o qmail-1.0.3 (não atualizei para o 1.0.5 por questão de ter 600 contas e isso como todo bom sysadmin não é tão simples assim tem que tenha feito todos os backups necessários, isso por enquanto é claro). Então vamos a prática:


O PROBLEMA:
Eu teria que copiar as mensagens enviadas e recebidas de um usuario para o diretor da empresa. Para o controle de fluxo de entrada, ou seja, DESTINO para REMETENTE o firewall que utilizo já faz isso, mas para centralizar o serviço conheci o "Qmail Auditor", onde é um utilitário que utiliza a fila do qmail, sendo qmail-queue tanto na entrada ou saída dos emails.


INSTALANDO O QMAIL AUDITOR: (efetuar os comandos abaixo como root)

#faça o download do mesmo em alguma pasta de sua preferencia, eu utilizei o /opt
http://sourceforge.net/projects/qmail-auditor/files/qmail-auditor/v0.4/qmail-auditor-0.4.0.tar.gz/download


#descompactando o tarball
tar xfvsz qmail-auditor-0.4.0.tar.gz


#entre no diretorio criado
cd qmail-auditor


#ATENÇÃO ANTES DE INSTALAR faça o seguinte, edite o arquivo envelop.c na linha 43 e faça a seguinte alteração:
vi /opt/qmail-auditor/src/envelop.c


De: int fd = open(TEMP_MESSAGE, O_CREAT | O_WRONLY);


Para: int fd = open(TEMP_MESSAGE, O_CREAT | O_WRONLY, 0644);


REF: http://www.vivaolinux.com.br/artigo/Qmail-Auditor-auditoria-no-servidor-Qmail


#feito isso daí sim instale o mesmo:
./configure 
make perm


#apos isso fazer com que o qmail-auditor seja um wrapper da fila de email original do qmail, sendo, qmail-queue
mv /var/qmail/bin/qmail-queue /var/qmail/bin/qmail-queue-real-auditor
ln -s /usr/local/bin/qmail-auditor /var/qmail/bin/qmail-queue


#agora vamos criar as regras no arquivo:
vi /var/qmail/control/auditor


#exemplos de regras:
#na regra from (REMETENTE) vamos fazer que tudo que o usuario@meudominio.com.br ENVIA seja copiado para usuario@dominioremoto.com.br
from usuario@meudominio.com.br usuario@dominioremoto.com.br


#na regra from (DESTINATARIO) vamos fazer que tudo que o usuario@meudominio.com.br RECEBE seja copiado para usuario@dominioremoto.com.br
to usuario@meudominio.com.br usuario@dominioremoto.com.br


#na regra from (REMETENTE/DESTINATARIO) vamos fazer que tudo que o usuario@meudominio.com.br RECEBE e ENVIA seja copiado para usuario@dominioremoto.com.br
all usuario@meudominio.com.br usuario@dominioremoto.com.br


Nota: podemos criar inúmeras regras por usuario ou dominio então basta dar uma "googlada" e tudo certo. Outra maneira de controlar isso é utilizar o patch qmail-tap, mas isso fica pra outro POST.


REF: http://qmail-auditor.sourceforge.net/


Att Junior.

quarta-feira, 22 de junho de 2011

Comando nslookup

Olá hoje vamos abordar o comando nslookup para conferencia do DNS (coisa que estou passando no momento)

Sintaxe:
nslookup [-opção] [nome_do_host] [servidor]

Help:
depois de digitar o nslookup "enter" basta digitar o "?" que ele mostra as opções do mesmo

O mais usado:
temos várias maneiras de efetuar as pesquisas mas o que mais usei nessa parte de homologação foram os comandos:
server: este diz pra quem perguntar segue abaixo um exemplo onde peço para o opendns resolver para mim.

> server 208.67.222.222
Servidor padrao:  resolver1.opendns.com
Address:  208.67.222.222

set type: este diz qual o define o tipo de consulta:
(ex. A,AAAA,A+AAAA,ANY,CNAME,MX,NS,PTR,SOA,SRV)

> set type=any
hotmail.com

Assim o comando mostra todos os registros do servidor hotmail.com

Acho que seja isso, um abraço a todos, até.

quarta-feira, 8 de junho de 2011

SSH no VMWare ESXi 4.1

Olá, hoje vamos ver como habilitar o SSH através do vSphere Client:

Vá em:
  • Configuration;
  • Security profile;
  • Properties;
  • Remote tech support (SSH);
  • Options;
  • Start;
Lembrando que isso pode ser feito via console. Mas pelo VSphere Client acredito que seja mais rapido e fácil.
Att Junior.

domingo, 5 de junho de 2011

Power Edge 1900 + Broadcom 5708

Olá, hoje vou descrever minha viagem a uma empresa do grupo que presto serviço.

O trabalho:
Formatar um servidor DELL Power Edge 1900 onde rodava um Debian 4 e tinhamos que fazer um upgrade par um Debian 6

O problema:
Na hora de instar o mesmo, o Debian estava dizendo que o driver da Placa de Rede Broadcom 5708 não carregava

A solução:
Depois de inúmeras tentativas de soluções a mais correta (vinda de um TI de SC) foi:


Baixar o pacote deb acima copiar para um PenDrive na hora que ele pedir inserir o pen no computador e dar enter, feito o driver carrega corretamente e daí sim pude dar continuidade ao trabalho.

Observação:
Lembrando que fiz mais duas outras maneiras para homologar bem essa situação sendo que vou ter que fazer em outra empresa do grupo

  1. Instalar o SO sem a placa de rede e depois baixar do proprio site do fabricante o tar.gz do drive
  2. Instalar o ESXi 4.1 da VMware onde o mesmo vai emular uma placa de rede compatível
Considerações Finais:
Mais uma vez obrigado ao Maiko pela força pois uma coisa aprendi na vida, é sempre ter HUMILDADE e este gesto foi mais do que uma prova.


Valeu.

sexta-feira, 20 de maio de 2011

Como somar somente números positivos em uma planilha?

Olá, hoje vamos ver como efetuar uma soma de somente números positivos dentro de uma base de dados:


Exemplo:
Aqui na empresa temos uma planilha de comissão onde temos que somar somente os vendedores que tenha ganho, ou seja, que tem valor a receber os demais não devem entrar nessa soma. Então como fazer?


Função:
No "Exemplo 001: sem função", vamos utilizar a função SOMA que é a primeira que nos vêm a cabeça.


Já no "Exemplo 002: com função", é onde vamos fazer a diferença e aplicar a resolução do problema.


Exemplo 001 sem função: até usamos uma função aqui, porém, não a coerente, pois queremos somar com alguma condição, note que se eu usar a função SOMA que nos vêem cabeça ele vai fazer exatamente isso, somar os positivos e somar os negativos e nos dar o resultado.





Exemplo 002 com função: eu poderia entrar em detalhes como conceito, etc, etc, mas como o intuito do Blog é ir direto ao assunto vamos mostrar a resolução.


Nossa função fica assim:
=SOMASE(H5:H10;">0")

Onde:

SOMASE = nossa função
H5:H10 = nossa base de dados
">0" = nossa condição (ela está em "" pois se tratar de uma condição).

Comentário:

Fiz isso porque sabe como faziam essa planilha? Na mão, ou seja, ordenando e alterando o intervalo de dados, imagine se toca o telefone na hora está fazendo?

Att Junior.

sexta-feira, 6 de maio de 2011

DNS - Publico

Olá, hoje somente a nível de informação vou postar os DNS públicos mais utilizados sendo:

The OpenDns Public DNS IP addresses are as follows:
208.67.222.222
208.67.220.220

The Google Public DNS IP addresses are as follows:
8.8.8.8
8.8.4.4

Eu utilizo do OpenDNS nas empresas que presto suporte, porém, do Google também é excelente e fácil de "decorar".

Abraço a todos.

terça-feira, 22 de março de 2011

PEIXE URBANO

Olá, para aqueles que quiserem me ajudar a ganhar uma renda extra, basta clicar no link abaixo:

https://www.peixeurbano.com.br/convite/4QOJQ

Trata-se do peixe urbano, veja que o protocolo é HTTPS então não tenham medo de clicar.

Obrigado Junior.

quarta-feira, 16 de março de 2011

DICA EXCEL "SOMASE"

Olá, hoje vamos ver mais uma poderosa função do Excel onde podemos "somar" celular utilizando um critério. Image assim, você tem que somar todos os títulos de um cliente em uma base de 10 mil linhas mas nao quer utilizar os métodos tradicionais como por exemplo o sub-total com filtros. Então vamos a mão na massa.

Descrição:
Use a função SOMASE para somar os valores em um intervalo (intervalo: duas ou mais células em uma planilha. As células de um intervalo podem ser adjacentes ou não adjacentes.) que atendem aos critérios que você especificar. Por exemplo, suponha que em uma coluna que contém números, você deseja somar apenas os valores maiores que 5. É possível usar a seguinte fórmula:

=SOMASE(B2:B25,">5")

Exercício Prático: SOMASE
Na tabela abaixo queremos somar todos os códigos 100 com seus respectivos valores. Sendo assim, sempre que aparecer o valor 100 na minha coluna de COD. o Excel vai somar de maneira automática os valores no total.


Sintaxe da Função:
SOMASE(intervalo, critérios, [intervalo_soma])
  • intervalo: Necessário. O intervalo de células que se deseja calcular por critérios. As células em cada intervalo devem ser números e nomes, matrizes ou referências que contêm números. Espaços em branco e valores de texto são ignorados.
  • critérios: Necessário. Os critérios na forma de um número, expressão, referência de célula, texto ou função que define quais células serão adicionadas. Por exemplo, os critérios podem ser expressos como 32, ">32", B5, 32, "32", "maçãs" ou HOJE(). Importante: Qualquer critério de texto ou qualquer critério que inclua símbolos lógicos ou matemáticos deve estar entre aspas duplas ("). Se os critérios forem numéricos, as aspas duplas não serão necessárias.
  • intervalo_soma: Opcional. As células reais a serem adicionadas, se você quiser adicionar células diferentes das especificadas no argumento de intervalo. Se o argumento intervalo_soma for omitido, o Excel adicionará as células especificadas no argumento intervalo (as mesmas células às quais os critérios são aplicados).
Outras Aplicações Práticas:
Essa função aqui na empresa utilizo para preencher uma planilha de telefonia com 200 linhas, onde necessito saber qual a quantidade de equipamentos do modelo X.

Planilha de controle de Telefonia:
Formulas utilizadas:
=SOMASE($E$8:$E$213;E219;$B$8:$B$213)
=SOMASE($E$8:$E$213;E220;$B$8:$B$213)
=SOMASE($E$8:$E$213;E221;$B$8:$B$213)
=SOMASE($E$8:$E$213;E222;$B$8:$B$213)
=SOMASE($E$8:$E$213;E223;$B$8:$B$213)
=SOMASE($E$8:$E$213;E224;$B$8:$B$213)

Note que o intervalo e intervalo_soma são os mesmos por se tratar da mesma tabela. O que muda é somente o critérios, onde eu digo para o Excel na função SOMASE o que eu quero que ele some.

Bom pessoal como sempre tentei ser o mais objetivo possível para que não aconteça como acontecia comigo, muita teoria e pouca prática.

Mas caso ainda tenha dúvidas só postar no blog que irei responder dentro do meu conhecimento o que for possível.

Grato Junior.

quinta-feira, 3 de março de 2011

DICA EXCEL: O Poder do "PROCV"

Olá, hoje vamos ver uma ferramenta poderosa do Excel a função PROCV. Mas o que significa o PROCV? Então, o PROCV significa "procura na vertical", ou seja se você quer procurar algum valor em uma determinada tabela sem necessitar fazer nada manual. Vamos imaginar o seguinte, seu diretor pede que você pegue os dados dos clientes da Matriz e compare com os clientes cadastrados na Filial. Pergunto, você vai imprimir um relatório de ambas e ir "ticando" um a uma até que chegue no resultado para ele? Você está rindo? Então pare, porque já vi casos reais assim aqui na empresa!!! Bom chega de papo e vamos a prática:

Digamos que você importou um texto do seu sistema de Gestão de sua Matriz com a seguinte nomenclatura:
CNPJ | COD.CLI | RAZAO SOCIAL

E outro da sua Filial com a mesma nomenclatura.
CNPJ | COD.CLI | RAZAO SOCIAL

Agora vamos entender como o PROCV funciona:
=procv(valor_procurado;matriz_tabela;núm_índice_coluna;[procurar_intervalo])

Campos:
procv = função procura na vertical
matriz_tabela = onde eu quero procurar os dados
núm_índice_coluna = o código da coluna que você quer mostrar. Exemplo: A B C, se você quer os valores que estão na C digite 3, se for B digite 2, e assim por diante.
procurar_intervalo = quando tratamos de valores que estejam em tabelas do tipo:
De | Ate | Valor, deixe o campo vazio. Caso for procurar um valor específico digite um ";" no final da função


Na figura 1 um erro Clássico que ficamos nos batendo um monte pra achar sendo que é somente um ";" que nos atrapalha. Veja que na figura 2 temos o #N/D

Veja que depois que tiramos o ";" ele funciona. Mas porque? Então o ";" serve para o PROCV achar valores exatos. Agora você deve estar se perguntando mas porque toda essa história se queremos comprar um cliente na base Matriz com o Filial? Foi propositado essa história para que você aprenda o PROCV não simplesmente faça por fazer.

Agora vamos ao "exercício" proposto:

Estou comparando os clientes da Filial x Matriz onde eu queria saber se na Filial eu tinha os clientes cadastrados na Matriz. Veja que com um comando eu fiz isso. Agora e se tivesse 10 mil registros pra você procurar?

A formula usada foi:
=PROCV(E3;A2:C7;3;)

Onde:
PROCV = função
E3 = é o cnpj na FILIAL
A2:C7 = é onde eu vou procurar no caso na tabela cnpj, cod, nome da MATRIZ
3 = a coluna que eu quero que imprima no meu resultado, no meu caso optei pelo nome, mas poderia ser qualquer campo.

Bom, tentei ser o mais breve e simples possível, dúvidas sobre a mesma postem no Blog que vou responder todas as dúvidas.

Abraço a todos, Junior.