Como formatar um pen drive no Linux

Primeiro vamos identificar nosso pendrive com o comando mount A saida do comando sera portal on /run/user/1000/doc type fuse.portal (rw,nosuid,nodev,relatime,user_id=1000,group_id=1000) tmpfs on /run/snapd/ns type tmpfs (rw,nosuid,nodev,noexec,relatime,size=1626292k,mode=755) nsfs on /run/snapd/ns/whatsdesk.mnt type nsfs (rw) /dev/sdb1 on /media/junior/538B-BA22 type vfat (rw,nosuid,nodev,relatime,uid=1000,gid=1000,fmask=0022,dmask=0022,codepage=437,iocharset=ascii,shortname=mixed,showexec,utf8,flush,errors=remount-ro,uhelper=udisks2) Assim que identificamos (no meu caso foi o /dev/sdb1) iremos desmontar o pendrive sudo umount /dev/sdb1 Para o sistema de arquivos vFAT (FAT32) sudo mkfs.vfat /dev/sdc1 Para sistema de arquivos NTFS sudo mkfs.ntfs /dev/sdc1 Para o sistema de arquivos EXT4 sudo mkfs.ext4 /dev/sdc1 Agora vamos criar nosso pendrive com um vmware (como exemplo) sudo dd if=/home/junior/Downloads/isos/vmware7.iso of=/dev/sdb status=progress && sync

1. Administração de Redes Linux I (Redes de Computadores)

Como prometido, este é o primeiro POST do treinamento que vou efetuar no blog, ou seja, tentar passar de uma forma direta e corporativa sem muitas "viagens" o que é uma Rede de Computadores no meio Corporativo.

Conceito:
Uma rede de computadores nada mais é do que 02 ou mais computadores interligados através de um meio físico podendo ser switch ou hub entre outros onde podemos trafegar dados.

Cenário Atual:
No meu cenário atual, tenho uma estrutura de rede conforme abaixo:
01 servidor de dados (Intel(R) Xeon(TM) CPU 3.20GHz)
01 servidor de correio (Intel(R) Xeon(TM) CPU 3.00GHz)
01 servidor firewall (AMD Sempron(tm) Processor 3100+)
01 servidor virtual (rodando VMware Server 2.0 mas vou fazer upgrade com o ESXI 4.0)

Observação: neste servidor virtual instalei 05 maquinas virtuais pois as máquinas "antigas" além de gastar energia e correr o risco de eu perder tempo com manutenção foram substituídas por virtuais.

Resumo:
Então através de serviços que iremos ver daqui pra frente, podemos controlar e gerenciar a Rede da maneira que quisermos. Cada empresa aplica uma política diferente da outra.
No meu caso minha política padrão é restringir tudo e ir liberando o que for realmente necessário.

Conteúdo do curso é: 1. Administração de Redes Linux I
* Configuração de rede (comandos do linux para configuração e monitoramento da rede em geral).
* DNS
* APACHE
* XINETD
* INETD
* FTP
* SSH
* SMTP
* POP e IMAP
* NFS

Aguardem novo POST com Configuração de rede.

Att Junior.

Comentários

aaah q ótimo, tô precisando muito aprendr isoo *-*
Junior Albainski disse…
Certo, vamos ver o que fazemos pra agilizar, obrigado.
Junior Albainski disse…
Olá ainda tem interesse?

Att.

Postagens mais visitadas deste blog

Instalando e Atualizando GLPI no Debian Jessie (8.7.1)