Como formatar e criar um pen drive no Linux

Primeiro vamos identificar nosso pendrive com o comando $ mount A saída do comando sera portal on /run/user/1000/doc type fuse.portal (rw,nosuid,nodev,relatime,user_id=1000,group_id=1000) tmpfs on /run/snapd/ns type tmpfs (rw,nosuid,nodev,noexec,relatime,size=1626292k,mode=755) nsfs on /run/snapd/ns/whatsdesk.mnt type nsfs (rw) /dev/sdb1 on /media/junior/538B-BA22 type vfat (rw,nosuid,nodev,relatime,uid=1000,gid=1000,fmask=0022,dmask=0022,codepage=437,iocharset=ascii,shortname=mixed,showexec,utf8,flush,errors=remount-ro,uhelper=udisks2) Assim que identificamos (no meu caso foi o /dev/sdb1) iremos desmontar o pendrive sudo umount /dev/sdb1 Para o sistema de arquivos vFAT (FAT32) sudo mkfs.vfat /dev/sdb1 Para sistema de arquivos NTFS sudo mkfs.ntfs /dev/sdb1 Para o sistema de arquivos EXT4 sudo mkfs.ext4 /dev/sdb1 Agora vamos criar nosso pendrive com um vmware (como exemplo) sudo dd if=/home/junior/Downloads/isos/vmware7.iso of=/dev/sdb status=progress && sync

Qmail Auditor

Olá, hoje vamos relatar um "problema" muito básico e muito utilizado pelos Administradores de Servidores de Correio. No meu caso utilizo o qmail-1.0.3 (não atualizei para o 1.0.5 por questão de ter 600 contas e isso como todo bom sysadmin não é tão simples assim tem que tenha feito todos os backups necessários, isso por enquanto é claro). Então vamos a prática:


O PROBLEMA:
Eu teria que copiar as mensagens enviadas e recebidas de um usuario para o diretor da empresa. Para o controle de fluxo de entrada, ou seja, DESTINO para REMETENTE o firewall que utilizo já faz isso, mas para centralizar o serviço conheci o "Qmail Auditor", onde é um utilitário que utiliza a fila do qmail, sendo qmail-queue tanto na entrada ou saída dos emails.


INSTALANDO O QMAIL AUDITOR: (efetuar os comandos abaixo como root)

#faça o download do mesmo em alguma pasta de sua preferencia, eu utilizei o /opt
http://sourceforge.net/projects/qmail-auditor/files/qmail-auditor/v0.4/qmail-auditor-0.4.0.tar.gz/download


#descompactando o tarball
tar xfvsz qmail-auditor-0.4.0.tar.gz


#entre no diretorio criado
cd qmail-auditor


#ATENÇÃO ANTES DE INSTALAR faça o seguinte, edite o arquivo envelop.c na linha 43 e faça a seguinte alteração:
vi /opt/qmail-auditor/src/envelop.c


De: int fd = open(TEMP_MESSAGE, O_CREAT | O_WRONLY);


Para: int fd = open(TEMP_MESSAGE, O_CREAT | O_WRONLY, 0644);


REF: http://www.vivaolinux.com.br/artigo/Qmail-Auditor-auditoria-no-servidor-Qmail


#feito isso daí sim instale o mesmo:
./configure 
make perm


#apos isso fazer com que o qmail-auditor seja um wrapper da fila de email original do qmail, sendo, qmail-queue
mv /var/qmail/bin/qmail-queue /var/qmail/bin/qmail-queue-real-auditor
ln -s /usr/local/bin/qmail-auditor /var/qmail/bin/qmail-queue


#agora vamos criar as regras no arquivo:
vi /var/qmail/control/auditor


#exemplos de regras:
#na regra from (REMETENTE) vamos fazer que tudo que o usuario@meudominio.com.br ENVIA seja copiado para usuario@dominioremoto.com.br
from usuario@meudominio.com.br usuario@dominioremoto.com.br


#na regra from (DESTINATARIO) vamos fazer que tudo que o usuario@meudominio.com.br RECEBE seja copiado para usuario@dominioremoto.com.br
to usuario@meudominio.com.br usuario@dominioremoto.com.br


#na regra from (REMETENTE/DESTINATARIO) vamos fazer que tudo que o usuario@meudominio.com.br RECEBE e ENVIA seja copiado para usuario@dominioremoto.com.br
all usuario@meudominio.com.br usuario@dominioremoto.com.br


Nota: podemos criar inúmeras regras por usuario ou dominio então basta dar uma "googlada" e tudo certo. Outra maneira de controlar isso é utilizar o patch qmail-tap, mas isso fica pra outro POST.


REF: http://qmail-auditor.sourceforge.net/


Att Junior.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Instalando e Atualizando GLPI no Debian Jessie (8.7.1)